Prospecção Tecnológica: monitoramento da reação de transesterificação através de métodos eletroquímicos

Authors

  • Leila Maria Santos da Silva Universidade Federal do Maranhão
  • Helmara Diniz Costa Viégas Universidade Federal do Maranhão
  • Deracilde Santana da Silva Granja Universidade Federal do Maranhão
  • Maria da Glória Almeida Bandeira Universidade Federal do Maramhão
  • Edmar Pereira Marques Universidade federal do Maranhão
  • Aldaléa Lopes Brandes Marques Universidade Federal do Maranhão

DOI:

https://doi.org/10.7198/geintec.v7i2.909

Abstract

O biodiesel é um recurso renovável que necessita de um eficiente controle de qualidade da matéria-prima e do produto para sua comercialização. Neste contexto, o monitoramento das etapas de transesterificação é uma questão importante para o controle de qualidade do biodiesel, uma vez que alguns contaminantes surgem a partir desta reação, dentre os contaminantes que podem afetar a qualidade do biodiesel, destaca-se o glicerol, pois sua presença pode trazer diversos inconvenientes, principalmente o aumento nas emissões de acroleína, que é uma substância altamente tóxica para saúde e o meio ambiente. Este trabalho tem como objetivo a busca de anterioridade do monitoramento da reação de transesterificação através de métodos eletroquímicos por estimativa do glicerol. A pesquisa foi desenvolvida através do mapeamento de patentes em diferentes bases de dados: INPI (Instituto Nacional de Propriedade Industrial), DERWENT (Derwent Innovations Index, EPO (European Patent Office) e WIPO (World Intellectual Property Organization). Observou-se que há poucos números de patentes nas bases pesquisadas direcionados ao tema proposto, o que mostra ser este assunto promissor para investimentos de pesquisa, desenvolvimento e apropriação de tecnologia.

Author Biography

Leila Maria Santos da Silva, Universidade Federal do Maranhão

Graduação em Química Licenciatura, mestrado em Química Analítica. Atualmente é doutoranda do Programa de Pós-Graduação da Rede de Biodiversidade e Biotecnologia da Amazônia Legal (PPG-BIONORTE) com ênfase na área de Biotecnologia (Biocombustíveis).

References

AGÊNCIA NACIONAL DO PETRÓLEO, GÁS NATURAL E BIOCOMBUSTÍVEIS (BRASIL). Resolução ANP nº 45, de 25.8.2014 - DOU 26.8.2014.

FOGLIA, T.A.; JONES, K.C.; UN~EZ, A.; PHILIPS, J.G.; MITTELBACH, M. Comparison of chromatographic methods for the determination of bound glycerol in biodiesel.Chromatographia, v.60, p.305-311, 2004.

HOLCAPEK, M.; JANDERA, P.; FISCHER J.; PROKES, B. Analytical monitoring of the production of biodiesel by high-performance liquid chromatography with various detection methods. Journal of Chromatography A, v.858, p.13-31, 1999.

KNOTHE G. Analyzing biodiesel: standards and other methods. Journal of the American Oil Chemists’ Society, v. 83, n.10, p.823–33, 2006.

MITTELBACH, M.; WOERGETTER, M.; PERNKOPF, J.; JUNEK, H. Diesel fuel derived from vegetable oils: Preparation and use of rape oil methyl ester. Energy & Agriculture, v.2, p.369-384, 1983.

NEHER, A. et al. Process for the production of acrolein. USPTO Patent Full.Patent nº 5,387,720, 1995.

PLANK, C.; LORBEER, E. Simultaneous determination of glycerol, and mono-, di- and triglycerides in vegetable oil methyl esters by capillary gas chromatography. JournalofChromatography A, v. 697, p.461-468, 1995.

QUADROS, D. P. C.; CHAVES, E. S.; SILVA, J. S. A.; TEIXEIRA, L. S. G.; CURTIUS, A. J.; PEREIRA, P. A. P. Contaminantes em Biodiesel e Controle de Qualidade. Revista Virtual de Química, v. 3, n. 5, p. 376-384, Novembro 2011.

SANTOS, A. L., TAKEUCHI, R. M., MUÑOZ, R. A., ANGNES, L., & STRADIOTTO, N. R. Electrochemicaldeterminationofinorganiccontaminants in automotivefuels. Electroanalysis, v.24, n.8, p.1681-1691, 2012.

SANTOS, A. L.; TAKEUCHI, R. M.; MUÑOZ, R. A.; ANGNES, L.; STRADIOTTO, N. R. Electrochemical determination of organic compounds in automotive fuels. Electroanalysis,v. 26, n. 2, p. 233-242, 2014.

SERAFINI, M. R.; QUINTANS, J. D. S. S.; ANTONIOLLI, Â. R.; DOS SANTOS, M. R. V.; QUINTANS-JUNIOR, L. J. Mapeamento de tecnologias patenteáveis com o uso da hecogenina. Rev Geintec, São Cristovão, v. 2, n. 5, p. 427-435, out./nov./dez. 2012.

Published

2017-06-20

Issue

Section

Management and Social Science