Technology foresight applied to ion propulsion

Authors

  • Ilana Mota de Almeida UESC - Universidade Estadual de Santa Cruz
  • Gesil Sampaio Amarante Segundo UESC - Universidade Estadual de Santa Cruz

DOI:

https://doi.org/10.7198/geintec.v9i1.844

Abstract

Propulsores iônicos são utilizados em satélites de comunicação e para a propulsão principal em sondas espaciais. O sistema consiste na expulsão de íons para a criação do impulso, podendo proporcionar velocidades mais altas do que outros tipos de aparato. O presente artigo tem o objetivo de fazer uma análise de prospecção no ramo da Propulsão Iônica através de uma busca de anterioridade na base de patentes Espacenet®. Ao todo, foram encontrados 58 depósitos de patentes nesta área de pesquisa entre o período de 1995 a 2015. Por meio da busca de anterioridade, foi possível analisar os principais depositantes, os países mais atuantes e a tendência da pesquisa ao longo dos anos. O estudo mostrou que o campo, apesar de atuante há muitas décadas, ainda possui espaço para novas pesquisas pois são poucos os depositantes influentes na área, resultando em 58 depósitos em um período de pesquisa de 20 anos.

References

BRASIL. Lei número 10.973 de 2 de dezembro de 2004. Dispõe sobre incentivos à inovação e à pesquisa científica e tecnológica no ambiente produtivo. Brasília, DF: Presidência da República, Casa Civil, 2004.

CAVALCANTI, V. M. S.; VASCONCELOS, A. C. Iniciação à prospecção tecnológica: uma apresentação à propriedade intelectual propiciada pelo programa jovens talentos para a ciência. Salvador, Bahia, 2014.

CHOI, Yongjun; MAHALINGAM, Sudhakar; LIKHANSKII, Alex. Predicting Hall Thruster Operational Lifetime with Computational Models, 2012.

Disponível em: http://www.wipo.int/ipstats/en/statistics/country_profile/profile.jsp?code=BR. Acesso em 13 de abril de 2015.

Disponível em: http://www7.fiemg.com.br/iel/produto/prospeccao-tecnologica. Acesso em 02 de abril de 2015.

FERREIRA et al. Plasma diagnostic and performance of a permanent Magnet hall thruster. Laboratório de Plasmas, Instituto de Física, Universidade de Brasília. Brazilian Journal of Physics 34, 1839, 2004.

GOEBEL, Dan M.; KATZ, Ira. Fundamentals of Electric Propulsion: Ion and Hall Thrusters. Jet Propulsion Laboratory California Institute of Technology, 2008.

Instituto Nacional da Propriedade Intelectual – INPI. Disponível em: http://www.inpi.gov.br/portal/artigo/guia_basico_patentes. Acesso em 13 de abril de 2015.

Instituto Nacional da Propriedade Intelectual – INPI. Guia simplificado para buscas em base de patente gratuitas, Junho/2014. Disponível em http://www.inpi.gov.br/menu-servicos/informacao/arquivos/tutorial_-_guia_de_buscas-_hiperlink_-_11062014_-_parte_3.pdf. Acesso em 10 de Agosto de 2015.

JAHN, Robert G., CHOUEIRI, Edgar Y. Electric Propulsion. Princeton University – Academic Press, 2002.

KUPFER, D.; TIGRE, P.B. Modelo SENAI de Prospecção: Documento Metodológico. Capítulo 2: Prospecção Tecnológica. In: Organizacion Internacional Del Trabajo CINTERFOR. Papeles de La Oficina Técnica, n.14, Montevideo: OIT/CINTERFOR, 2004.

MAYERHOFF, Zea D. V L. Cadernos de Prospecção: Uma análise sobre os estudos de prospecção tecnológica. Ano 1, n. 1 (2008) - Salvador, BA : EDUFBA, 2008.

Ministério da Ciência e Tecnologia: Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais – INPE. Disponível em: http://www.plasma.inpe.br/LAP_Portal/LAP_Sitio/Texto/Propulsao_Eletrostatica.htm. Acesso em 30 de Junho de 2015.

Portal da Indústria – Confederação Nacional da Indústria (CNI). Disponível em: http://www.portaldaindustria.com.br/cni/imprensa/2014/04/1,35905/brasil-ocupa-penultima-posicao-em-ranking-de-patentes-validas.html. Acesso em 20 de Julho de 2015.

RUSSO et al. Capacitação em inovação tecnológica para empresários – Volume 2. São Cristóvão: Editora UFS, 2012.

SNECMA. Disponível em: http://www.snecma.com/. Acesso em 17 de Agosto de 2015.

Published

2019-03-24

Issue

Section

Management and Social Science