Proposta de Automação Industrial em uma Empresa Fabricante de Borrachas Escolares

Authors

  • André Luiz Emmel Silva Universidade de Santa Cruz do Sul
  • Tiago da Silveira Universidade de Santa Cruz do Sul
  • Jorge André Ribas Moraes Universidade de Santa Cruz do Sul
  • Tonia Magali Moraes Brum Universidade Federal de Santa Maria

DOI:

https://doi.org/10.7198/geintec.v8i1.733

Abstract

O estudo dos conceitos de automação industrial se faz necessário cada vez mais nas empresas preocupadas em melhorar a sua produtividade, influenciando diretamente na redução dos custos produtivos. Como as tecnologias relacionadas a robótica industrial estão mais acessíveis, a sua utilização adequada faz o processo adquirir melhor qualidade e maior flexibilidade, adquirindo agilidade de reposta às necessidades de mercado. Além disso, com equipamentos mais eficientes ocorre também uma redução dos riscos ergonômicos das tarefas que ainda necessitam de mão de obra humana. Este trabalho tem como objetivo propor a automação de uma das linhas de produção de uma empresa fabricante de borrachas escolares, através da criação de uma célula robotizada para a operação de embalamento. A célula será composta por um robô manipulador, alimentador vibratório e carimbador por jato de tinta de alta definição. Em um contexto geral, procura-se mostrar os benefícios que a implantação da automação em pontos específicos do processo trará para a empresa, juntamente com a substituição do método de carimbar atual. Assim, as propostas apresentadas apontam melhorias nos tempos de produção, aumento da produtividade, maior flexibilidade e agilidade de resposta às necessidades de mercado, e ainda redução do custo de fabricação das borrachas escolares.

Author Biographies

André Luiz Emmel Silva, Universidade de Santa Cruz do Sul

Mestre em Tecnologia Ambiental. Professor do Depto de Engenharia, Arquitetura e Ciências Agrárias da Universidade de Santa Cruz do Sul. Área de atuação: empreendedorismo, planejamento e controle da produção, pesquisa operacional e produção mais limpa.

Tiago da Silveira, Universidade de Santa Cruz do Sul

Engenheiro de Produção, graduado pela Universidade de Santa Cruz do Sul. Área de atuação: gestão da produção e automação industrial;

Jorge André Ribas Moraes, Universidade de Santa Cruz do Sul

Doutor em Engenharia de Produção. Professor do Depto de Engenharia, Arquitetura e Ciências Agrárias da Universidade de Santa Cruz do Sul. Área de atuação: produção mais limpa, gestão ambiental e qualidade e produtividade.

Tonia Magali Moraes Brum, Universidade Federal de Santa Maria

Doutora em Administração. Prof. do Depto. de Educ. Agr. Ext. Rural da Universidade Federal de Santa Maria. Área de atuação: gestão, inovação, motivaçãoe e competitividade.

References

BORRACHA, A. M. L. G. Laboratório Remoto de Automação Industrial. 2012. 147f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Eletrotécnica e Computadores) – Universidade Nova de Lisboa, Lisboa, Portugal.

CAPELLI, A. Automação Industrial: uma introdução. 2. ed. São Paulo: Editora ÉRICA, 2009.

DA CAS, F.; DA SILVA, M. G.; DA LUZ, D. F.; PACHECO, D. A. J. Implicações da redução de setup na produtividade da indústria farmacêutica. Revista GEINTEC, v. 5,n. 1, p.1764-1779, jan./mar. 2015.

DE PAULA, M.A.B.; SANTOS, E.A.P. Uma abordagem metodológica para o desenvolvimento de sistemas automatizados e integrados de manufatura. Revista Produção, v. 18, n. 1, p.8-25, jan./abr. 2008.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 5. ed. São Paulo: Editora Atlas, 2010.

GROOVER, M.P. Automation Production Systems and Computer-Integrated Manufacturing. New Jersey: Editora Prentice Hall, 2001.

GUTIERREZ, R.M.V.; PAN, S.S.K. Complexo Eletrônico: Automação do Controle Industrial, 2008. Disponível em: <http://www.bndes.gov.br/SiteBNDES/export/sites/default/bndes_pt/Galerias/Arquivos/conhecimento/bnset/set2807.pdf> Acesso em: 15 abr. 2014.

KLAFTER, R.; CHMIELEWSKI, T.; NEGIN, M. Robotic Engineering, an Integrated Approach. Londres: Editora Prentice Hall, 1989.

MARCAL, L.F.; GUIMARAES, M.P.; RESENDE, A.A. Automatização de uma termoformadora visando melhorias no processo produtivo de uma empresa fabricante de peças termoplásticas para o setor automobilístico. In: XXXIII Encontro Nacional de Engenharia de Produção. Anais...Salvador, 2013.

MARTINS, G. M. Princípios de Automação Industrial. Apostila da disciplina de automação industrial da UFSM, Santa Maria, 2012, Disponível em: <http://coral.ufsm.br/desp/geomar/automacao/Apostila_032012.pdf> Acesso em: 20 abr. 2014.

MILAN, G.S.; PRETTO, M.R.; BASSO L.C. Um estudo de caso sobre o funcionamento de um armazém automatizado. Revista REAd. v. 13, n. 1, jan./abr. 2007.

MORAES, C.C.; CASTRUCCI, P.L. Engenharia de Automação Industrial. Rio de Janeiro: Editora LTC, 2007.

NATALE, F. Automação Industrial. São Paulo: Editora Erica, 2003.

NAVARRO, D. A. Estudo dos fatores para avaliação de projetos na gestão de portfolio em uma empresa de bens de consumo. Revista de Gestão e Projetos, v. 3, n. 3, p. 291-307, set./dez. 2012.

PEREIRA, R. M.; SPRITZER, I. M. P. A. Automação e digitalização em subestações de energia elétrica: um estudo de caso. Revista Gestão Industrial. v. 3, n. 4, p. 147-160, 2007.

PEREIRA NETO, É.; PAIVA, V.W.M.M.C.; MEZA, E.B.M.; VIANNA, D.S. Aplicação do método AHP clássico na escolha de um modelo de controlador lógico programável (CLP) para a instalação em um novo projeto de plataforma marítima. In: X Congresso Nacional de Excelência em Gestão. Anais... Rio de Janeiro, 2014.

ROMANO, V. F. Robótica Industrial: Aplicação na indústria de manufatura e processos. São Paulo: Editora Edgard Blücher LTDA, 2002.

ROSÁRIO, J. M. Princípios de Mecatrônica. São Paulo: Editora Prentice Hall, 2005.

SANTOS, A. R. Metodologia Científica: a construção do conhecimento. 3. ed. Rio de Janeiro: Editora DP&A, 2000.

SANTOS, J. J. H. Automação Industrial: o controle do movimento e processos contínuos. Editora LTC, 1979.

Published

2018-03-09

Issue

Section

Innovative science and technology