Caracterização físico-química de sementes de noni

Authors

  • Danielle Martins Lemos Universidade Federal de Campina Grande - UFCG
  • Rossana M. F. Figueiredo Professora da Universidade Federal de Campina Grande - UFCG Campu Campina Grande
  • Alexandre J. M. Queiroz Professor da Universidade Federal de Campina Grande - UFCG
  • Shirlyanne Ferreira da Silva Pós-graduação de Engenharia Agrícola

DOI:

https://doi.org/10.7198/geintec.v5i3.689

Abstract

Este trabalho teve como objetivo caracterizar sementes de noni com resíduos de polpa e sementes de noni sem resíduos de polpa quanto aos parâmetros físico-químicos. Foram determinadas nas amostras o pH, acidez total titulável, teor de água, cinzas, lipídios, proteínas, amido, açúcares totais, redutores e não redutores, cor e atividade de água. Verificou-se a partir dos parâmetros avaliados que as sementes de noni com resíduos de polpa apresentaram resultados diferentes das sementes sem resíduos de polpa, com maiores valores de teor de água, atividade de água, minerais, acidez, açúcares redutores, lipídios e luminosidade. As sementes sem resíduos de polpa apresentaram valores superiores de proteínas e amido. As amostras com resíduos de polpas são mais claras e com menores intensidades de vermelho e de amarelo.

Palavras-chave: análise química, análise física, Morinda citrifolia.

Author Biographies

Danielle Martins Lemos, Universidade Federal de Campina Grande - UFCG

Graduada em Tecnologia de Alimentos pela FATEC Cariri, Especialista em Ensino de Química pela URCA, Mestre em Engenharia Agrícola pela UFCGe doutoranda em Engenharia Agrícola pela UFCG

Rossana M. F. Figueiredo, Professora da Universidade Federal de Campina Grande - UFCG Campu Campina Grande

Pós-graduação de Engenharia Agrícola

Alexandre J. M. Queiroz, Professor da Universidade Federal de Campina Grande - UFCG

Pós-graduação de Engenharia Agrícola

Shirlyanne Ferreira da Silva, Pós-graduação de Engenharia Agrícola

Graduada em Ciências Agrárias pela UEPB, mestre e doutoranda em Engenharia Agrícola pela UFCG.

References

CORREIA, A. A. S. Maceração enzimática da polpa do noni (Morinda citrifolia L.). 2010. 105f. Dissertação (Mestrado em Tecnologia de Alimentos) – Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2010.

CORREIA, A. A. S.; GONZAGA, M. L. C.; AQUINO, A. C.; SOUZA, P. H. M.; FIGUEIREDO, R. W.; MAIA, G. A. Caracterização química e físico-química da polpa do noni (Morinda citrifolia) cultivado no estado do Ceará. Alimentos e Nutrição, v. 22, n. 4, p. 609-615, 2011.

COSTA, A. B.; OLIVEIRA, A. M. C.; SILVA, A. M. O.; MANCINI-FILHO, J.; LIMA, A. Atividade antioxidante da polpa, casca e sementes do noni (Morinda citrifolia Linn). Revista Brasileira de Fruticultura, v. 35, n. 2, p. 345-354, 2013.

FARIA, W. C. S.; BETT, S. C.; SANTOS, C. G. B.; BRASIL, A. S.; GAUTO, R. F.; BESERRA, A. M. S. S.; OLIVEIRA, A. P. Caracterização físico-química e análise fitoquímica preliminar do fruto noni (Morinda citrofolia L.) produzido na cidade de Cuiabá – MT. Revista Brasileira de Tecnologia Agroindustrial, v. 8, n. 1: p. 1208-1215, 2014.

GALLÃO, M. I.; DAMASCENO, L. F.; BRITO, E. S. Avaliação química e estrutural da semente de moringa. Revista Ciência Agronômica, v. 37, n. 1, p. 106-109, 2006.

GAVA, A. J.; SILVA, C. A. B.; FRIAS, J. R. G. Tecnologia de alimentos: princípios e aplicações. São Paulo: Nobel, 2008. 301p.

GUEDES, R. S.; ALVES, E. U.; COSTA, E. M. T.; SANTOS-MOURA, S. S.; SILVA, R. S.; CRUZ, F. R. S. Avaliação do potencial fisiológico de sementes de Amburana cearensis (Allemão) A.C. Smith. Bioscience Journal, v. 29, n. 4, p. 859-866, 2013.

INSTITUTO ADOLFO LUTZ. Métodos físico-químicos para análise de alimentos. São Paulo: Instituto Adolfo Lutz, 2008. 1020 p.

MALACRIDA, C. R.; ANGELO, P. M.; ANDREO, D.; JORGE, N. Composição química e potencial antioxidante de extratos de sementes de melão amarelo em óleo de soja. Revista Ciência Agronômica, v. 38, n. 4, p. 372-376, 2007.

MASETTO, T. E.; QUADROS, J. B.; MOREIRA, F. H.; RIBEIRO, D. M.; BENITES JUNIOR, I.; REZENDE, R. K. S. Qualidade fisiológica e sanitária de sementes de crambe produzidas no estado de Mato Grosso do Sul. Revista Brasileira de Oleaginosas e Fibrosas, v. 13, n. 3, p. 107-113, 2009.

PALU, A. K.; WEST, B. J.; JENSEN, C. J. Noni seed oil topical safety, efficacy, and potential mechanisms of action. Journal of Cosmetics, Dermatological Sciences and Applications, v. 2, n. 2, p. 74-78, 2012.

PASSOS, R. M.; SANTOS, D. M. C.; SANTOS, B. S.; SOUZA, D. C. L.; SANTOS, J. A. B.; SILVA, G. F. Qualidade pós-colheita da moringa (Moringa oleifera lam) utilizada na forma in natura e seca. Revista GEINTEC, v. 3, n. 1, p.113-120, 2012. ROJAS, R. M. Nutrición y dietética para tecnólogos de alimentos. 1 ed. Madrid: Ediciones Díaz de Santos, 2000. 308 p.

SALINAS, R. D. Alimentos e nutrição: introdução à bromatologia. 3 ed. Porto Alegre: Artmed, 2002. 278 p.

SILVA,C. R. L.; MEDEIROS,P. V. Q.; LEITE,G. A.; SILVA, K. J. P.; MENDONÇA, C. V.; SILVA, C. G.G. Caracterização do fruto de Morinda citrifolia L. (noni). Revista Cubana de Plantas Medicinales, v. 17, n. 1, p. 93-100, 2012.

SOUZA, A. D. V.; FÁVARO, S. P.; ÍTAVO, L. C. V.; ROSCOE, R. Caracterização química de sementes e tortas de pinhão‑manso, nabo‑forrageiro e crambe. Pesquisa Agropecuária Brasileira, v.44, n.10, p.1328-1335, 2009.

TOLENTINO, S. M. A.; VIEIRA, L. P.; ARAÚJO, B. S.; SOARES, T. D.; BARRETO, C. L. R. Análises físico-químicas e compostos fenólicos do fruto noni (Morinda citrifolia L.). In: CONGRESSO BRASILEIRO DE QUÍMICA, 54., 2014. Anais... Natal: UFRN, 2014.

Published

2015-09-01

Issue

Section

Management and Social Science