A importância da logística para o comércio eletrônico: um estudo de caso

Authors

  • Edeni Malta da Silva Universidade de Caxias do Sul
  • André Mauro Santos de Espindola Universidade de Caxias do Sul
  • Leonardo Roth Universidade de Caxias do Sul
  • Maria Emilia Camargo Universidade de Caxias do Sul
  • Vivian Oliveira Santos Universidade de Caxias do Sul
  • Guilherme Cunha Malafaia Universidade de Caxias do Sul

DOI:

https://doi.org/10.7198/geintec.v4i1.250

Abstract

O desenvolvimento tecnológico, principalmente de telecomunicações, possibilitou a expansão da Internet que, associado a redução dos preços dos equipamentos, impulsionou o crescimento do comércio eletrônico no mundo. Assim, essa expansão do comércio digital tem um componente físico importante e decisivo: a logística de entrega. A logística, portanto, é a materialização das transações eletrônicas associadas a movimentação de mercadorias/produtos. Nesse contexto, através de um estudo de caso, com a utilização de entrevistas semiestruturadas e análise SWOT, procurou-se identificar a importância da logística para o comércio eletrônico. A pesquisa foi realizada em uma cadeia varejista com atuação nas regiões Sul e Sudeste do Brasil e os resultados, por consequência, confirmaram que, dentre os atributos para o sucesso de uma operação de comércio eletrônico, está a logística, sendo esta, parte determinante da cadeia de suprimentos e que, também, pode produzir efeitos sobre a marca e reforça a confiança entre os consumidores, contribuindo para o crescimento do e-commerce que, entre no Brasil, entre 2001 e 2011 obteve um crescimento de 2.881,81%

Author Biographies

Edeni Malta da Silva, Universidade de Caxias do Sul

Mestrando em Administração

André Mauro Santos de Espindola, Universidade de Caxias do Sul

Mestre em Administração, Professor do Centro de Ciências Exatas e Tecnologia

Leonardo Roth, Universidade de Caxias do Sul

Mestrando em Administração e Professor do Centro de Ciências da Administração

Maria Emilia Camargo, Universidade de Caxias do Sul

Doutora em Engenharia da Produção, Professora do Programa de Mestrado em Administração.

Vivian Oliveira Santos, Universidade de Caxias do Sul

Mestranda em Administração

Guilherme Cunha Malafaia, Universidade de Caxias do Sul

Doutor em Agronegócios, Professor do Programa de Mestrado em Administração.

References

ALBERTIN, A., L. Comércio eletrônico: modelo, aspectos e contribuições de sua aplicação.3. ed. São Paulo: Atlas, 2001.

ALRAWI, K., W; EKBIA, H., R; JABER, K., H. A new marketing strategy for e-commerce: the gulf region experience. Global Business Review, New Delhi, v. 9, p. 273-286, 2008. Disponível em: < http://gbr.sagepub.com/content/9/2/273> Acesso em: 18 ago. 2012.

BAYLES, D. L. E-commerce logistics & fulfillment: delivering the goods. Upper Saddle River. Prentice Hall PTR, Prentice Hall, Inc. 2001. Disponível em: <http://r0.unctad.org/ecommerce/event_docs/curacao/bayles.pdf> Acesso em: 22 ago. 2012.

BEVERLY K..; CORRITORE, C., L., C; WIEDENBECK, S. A foundation for understanding online trust in electronic commerce. Journal of Information, Communication and Ethics in Society, vol. 3, p. 131-141, 2005. Disponível em: < http://dx.doi.org/10.1108/14779960580000267> Acesso em: 18 ago. 2012.

BLOCH, M; PIGNEUR, Y; SEGEV, A. On the road of electronic commerce: a business value framework, gaining competitive advantage and some research issues. Paris: Université de Lausanne, Ecole des Hautes Etudes Commerciales/Institut L’Informatique et Organisation, 1996.

BOATENG, R., HEEKS, R., MOLLA, A., HINSON, R., E-commerce and socio-economic development: conceptualizing the link, Internet Research, Vol. 18 Iss: 5 pp. 562 – 594. Disponível em: < http://dx.doi.org/10.1108/10662240810912783 > Acesso em: 18 ago. 2012.

BOWERSOX, D., J.; CLOSS, D., J. Logística Empresarial: o processo de integração da cadeia de suprimento. São Paulo: Atlas, 2001, p.20.

CAMERON, D. Electronic commerce: the new business platform of the Internet. Charleston: Computer Technology Research, 1997.

CERVO, A., L.; BERVIAN, P. A.; SILVA, R. Metodologia científica. 6. ed. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2007.

CHRISTENSEN, C. R., BOWER, J. L. Business Policy: text and cases, R.D. Irwin,1965.

CHRISTOPHER, M.. Logística e gerenciamento da cadeia de suprimentos: estratégias para a redução de custos e melhoria dos serviços. São Paulo, SP: Pioneira, 1997.

COLECCHIA, A. Defining and measuring electronic commerce: towards the development of an OECD methodology. Paris. 1999.Disponível em: <http://www.singstat.gov.sg/statsres/conferences/ecommerce/d8.pdf> Acesso em: 18 ago. 2012.

CLM - Council of Logistics Management. Disponível em <http://cscmp.org/aboutcscmp/Definitions.asp>, acesso em 26.ago. 2012.

CUSUMANO, M., A. Competing on Internet time: lessons from Netscape and its battle with Microsoft. Strategic Management Research Center, Vol. 3, p. 4, 2000. Disponível em: < ftp://ns1.ystp.ac.ir/YSTP/1/1/ROOT/DATA/PDF/unclassified/REV32.PDF> Acesso em: 18 ago. 2012.

ECOMMERCEORG (Brasil) (Org.). Evolução da Internet e do e-commerce. Disponível em: <http://www.e-commerce.org.br/stats.php>. Acesso em: 19 ago. 2012.

E-BIT (Brasil). E-bit Informação. Disponível em: <http://www.ebit.com.br/servicos-ebit.asp>. Acesso em: 22 set. 2012.

FARIA, A., C.; COSTA, M. F. G. Gestão de Custos Logísticos. São Paulo: Atlas, 2005.

FERGUSON JR., R., W. E-Commerce: Lessons Learned to Date. At the Owen Graduate School of Management, Vanderbilt University, Nashville, Tennessee. The Federal Reserve Board. February 14, 2001. Disponível em: <http://www.federalreserve.gov/boarddocs/speeches/2001/20010214/default.htm>. Acesso em: 10 mar. 2012.

FLEURY, P., F.; WANKE, P.; FIGUEIREDO, K., F. Logística empresarial: a perspectiva brasileira. São Paulo: Atlas, 2000.

GIL, A. C. Métodos e técnicas de pesquisa social. 6. ed.

São Paulo: Atlas, 2008.

IMRG, Interactive Media in Retail Group (Org.). B2C Global e-Commerce Overview 2012. Disponível em: <http://www.imrg.org/IMRGWebSite/user/pages/homepage.aspx>. Acesso em: 19 ago. 2012.

KALAKOTA, R; WHINSTON, A. Frontiers of electronic commerce. New York: Addison Wesley, 1996.

KEEN, P., G., M. Guia gerencial para a tecnologia da informação: conceitos essenciais e terminologia para empresas e gerentes. Rio de Janeiro: Campus, 1996.

KOTLER, P., Marketing para o século XXI: como criar, conquistar e dominar mercados. 14 ed. São Paulo: Futura, 2004.

LAKATOS, E., M.; MARCONI, M., A. Metodologia científica. 5. ed. São Paulo: Atlas, 2007.

LEE, C.,S. An analytical framework for evaluating e-commerce business models and strategies. Internet Research, vol. 11, p. 349 – 359, 2001. Disponível em: < http://dx.doi.org/10.1108/10662240110402803> Acesso em: 18 ago. 2012.

MALHOTRA, N., K. Pesquisa de marketing: foco na decisão. 3.ed. São Paulo: Pearson, 2010.

MINTZBERG, H. AHLSTRAND, B., LAMPEL, J.. Safari de

Estratégia: um roteiro pela selva do planejamento estratégico. Porto Alegre: Editora Artmed – Bookman., 2000.

OLIVEIRA, L., R; OLIVEIRA, M. Desafios e oportunidades em comércio eletrônico. In: MILAN, G. S; BRANCHI, N.V. L. Administração mercadológica: teoria e pesquisas. Caxias do Sul: Educs, 2004.

OLIVEIRA, D.; P.; R. Planejamento Estratégico: conceitos, metodologia e práticas. 13. Ed. São Paulo:Atlas, 1999.

PORTER, M., E. A nova estratégia. In: JÚLIO, Carlos A.;

SALIBI NETO, José. (Orgs.). Estratégia e Planejamento. 1. ed. São Paulo: Publifolha, 2002.

SAKAMOTO, K. Social contact center: a revolução das redes sociais. São Paulo: Laços, 2012.

SAVRUL, M., KILIÇ, C. E-commerce as an alternative strategy in recovery from the recession. Procedia Social

and Behavioral Sciences, v. 24, p. 247–259, 2011. Disponível em: < http://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S1877042811015837> Acesso em: 18 ago. 2012.

SCANDIUZZI, F.; OLIVEIRA, M., M., B.; ARAÚJO, G., J., F. A logística no comércio eletrônico B2C: um estudo nacional muticasos. Revista Estudos do CEPE, Nº 34, p. 231-241, 2011. Disponível em: <http://online.unisc.br/seer/index.php/cepe/article/viewFile/1983

/1690> Acesso em: 18 ago. 2012.

SEVERO, J., F. Administração de Logística Integrada, PCP e Marketing, 2ª edição, E-Pappers, 2006.

SLACK, N. Administração da produção. São Paulo: Atlas,

SMITH, R.; SPEAKER, M.; THOMPSON, M. O mais Completo Guia sobre e-Commerce. Tradução de Bazán Tecnologia e Linguística. São Paulo: Futura, 2000.

TAPSCOTT, D. Economia digital: promessa e perigo na era da inteligência em rede. Rio de Janeiro: Makron Books, 1997.

VAN HOEK, R., I. Measuring the unmeasurable - measuring and improving performance in the supply chain. SupplyChain Management, Bradford, v. 3, n. 4, p. 187-192,1998.

VERGARA, S., C. Projetos e relatórios de pesquisa em administração. 6.ed. São Paulo: Atlas, 2005.

WOOD, J., T.. Mudança organizacional: liderança, teoria do caos, qualidade total, recursos humanos, logística integrada, inovações gerenciais, cultura organizacional, arquitetura organizacional. 4.ed. São Paulo: Atlas, 2004.

WRIGHT, P., L. Administração estratégica, São Paulo: Atlas, 2000.

YIN, R., K. Estudo de caso: planejamento e métodos. 4.ed. Porto Alegre: Bookman, 2010.

ZANQUELETTO, F., FIGUEIREDO, H. L. A. O modelo de análise estratégica de Austin aplicado ao setor de confecções. In: Encontro Nacional de Engenharia de Produção – ENEGEP: International Congress of Industrial Engineers, 19º Anais do XIX ENEGERP. Rio de Janeiro: Associação Brasileira de Engenharia de Produção - ABEPRO. 1999. CD-ROM.

Published

2014-03-17

Issue

Section

Artigos (Ativos de 2011 até 2014)