Embriogênese somática de variedades superiores de cana-de-açúcar (Saccharum spp.)

Authors

  • Thays Saynara Alves Menezes Universidade Federal de Sergipe
  • Thatiana Carvalho Santos Universidade Federal de Sergipe
  • Maria de Fátima Arrigoni-Blank Universidade Federal de Sergipe
  • Arie F. Blank Universidade Federal de Sergipe

DOI:

https://doi.org/10.47059/geintecmagazine.v2i1.16

Abstract

A cana-de-açúcar (Saccharum ssp.) é uma planta da família Poaceae, cultivada em países das regiões tropical e subtropical. Seu cultivo in vitro já foi descrito para diversos clones através da cultura de calos, meristemas e embriões somáticos. O delineamento foi o inteiramente casualizado com cinco repetições e quatro frascos por repetição com quatro explantes cada frasco. Nos ensaios de indução e multiplicação de calos testou-se concentrações de 2,4-D que variaram entre zero e 6,0 mg.L-1. No ensaio de regeneração de brotações os tratamentos constaram de um controle e combinações de 0,1 a 0,4 mg.L-1 de cinetina e 0,2 a 0,8 mg.L-1 de BAP. Para o enraizamento testou-se MS e MS/2. Na aclimatização testou-se substratos contendo pó de coco e/ou vermiculita suplementado com calcário, fertilizante NPK (3-12-6) e sais do meio MS. Para a indução e a multiplicação dos calos recomenda-se a utilização de 6 mg.L-1 de 2,4-D, para a regeneração das brotações 0,2 mg.L-1 de cinetina e 0,4 mg.L-1 de BAP (9,5 brotações/calo),  e para o enraizamento o uso de MS/2. A aclimatização pode ser realizada com pó de coco e vermiculita (2:1 v/v) + 1 g.L-1 de calcário + 12 g.L-1 de NPK (3-12-6).

Author Biography

Thays Saynara Alves Menezes, Universidade Federal de Sergipe

Departamento de Engenharia Agronômica

Área do Trabalho - Ciências Agrárias

Published

2012-03-23

Issue

Section

Articles