Análise do Perfil Empreendedor dos Proprietários de Hamburguerias de Barbacena (MG)

Authors

  • Lidiane Caroline Teodoro Universidade Federal de São João del Rei
  • Paulo Henrique de Lima Siqueira Universidade Federal de São João del Rei
  • Daniela Martins Diniz Universidade Federal de São João del Rei
  • Fabrício Molica de Mendonça Universidade Federal de São João del Rei

DOI:

https://doi.org/10.7198/geintec.v10i4.1486

Keywords:

empreendedorismo, comportamentos do empreendedor, tipos de empreendedores, hamburguerias.

Abstract

Este artigo apresenta resultados de estudo destinado a analisar o perfil empreendedor dos proprietários de hamburguerias de Barbacena, a partir das dimensões desenvolvidas por McClelland (1961) e refinadas por Kruger et al. (2018). Em relação ao método, o estudo pode ser caracterizado como quantitativo envolvendo a aplicação de questionários junto à 21 proprietários de hamburguerias da cidade de Barbacena (MG). Os resultados empíricos apontam que a maioria dos participantes da pesquisa é do sexo masculino, possui escolaridade elevada e está no mercado há mais de um ano. Tomando como referência as dimensões do modelo de McClelland (1961), o perfil empreendedor identificado na maioria dos proprietários foi o de Planejamento. A característica “estabelecimento de metas” foi a que mais se destacou entre os empreendedores investigados, enquanto “correr riscos calculados” foi a menos visualizada na amostra pesquisada. Quanto à sua contribuição, o estudo contribui, de alguma forma, para o aumento do leque de pesquisas nacionais sobre perfis de empreendedores, visto que, somente mais recentemente tem-se realizado estudos sobre tipologias de empreendedores no país.

Author Biography

Paulo Henrique de Lima Siqueira, Universidade Federal de São João del Rei

Professor Adjunto do Departamento de Ciências Administrativas e Contáveis da UFSJ

References

ABIA. Associação Brasileira da Indústria de Alimentos. Transformação tecnológica foi o grande tema do Congresso de Food Service da ABIA. 27 set. 2019. Disponível em: https://www.abia.org.br/vsn/tmp_2.aspx?id=410

ALLEMAND, Renato Neves. Apostila sobre Teoria Comportamental Empreendedora. 2007.

ALVES, A. R.. Empreendedorismo. 2. ed. Recife: Sectma, 2011.

BARON, R.; SHANE, S. A. Empreendedorismo: uma visão do processo. São Paulo: Thompson, 2007.

CHÉR, R. Empreendedorismo na veia: um aprendizado constante. Elservier: SEBRAE, 2008.

DRUCKER, P. F. Innovation and entrepreneurship. New York: Harper Business, 1993.

GARCIA, R. W. D. A culinária subvertida pela ordem terapêutica: um modo de se relacionar coma comida. In: SIMPÓSIO SUL-BRASILEIRO DE ALIMENTAÇÃO: HISTÓRIA, CIÊNCIA E ARTE, 2000, Florianópolis. Anais... Florianópolis: UFSC, 2000. p. 13-16.

GLOBAL ENTREPRENEURSHIP MONITOR – GEM, Global Entrepreneurship Monitor. Empreendedorismo no Brasil: relatório executivo. 2018. Disponível em: https://datasebrae.com.br/wp-content/uploads/2019/02/Relat%C3%B3rio-Executivo-Brasil-2018-v3-web.pdf. Acesso em: 28 de outubro de 2019.

GÓES, J. A. W. Mudanças de hábitos alimentares e saúde: um estudo em fast food. 2005. Tese (Doutorado em Saúde Pública) - Instituto de Saúde Coletiva, UFBA, Salvador.

HISRICH, R. D.; PETERS, M. P.; SHEPHERD, D. Empreendedorismo. 9. ed. Porto Alegre: AMGH, 2014.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA – IBGE. Pesquisa de Orçamentos Familiares 2017 – 2018. Rio de Janeiro. 2019.

KOTLER, P.; ARMSTRONG, G. Princípios de marketing. 12.ed. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2007. 600 p

KRÜGER, C.; MINELLO, I. F. PORTO; C. dos S. Características Comportamentais Empreendedoras: Em cena os futuros médicos veterinários. Revista Estudo & Debate, Lajeado, v. 25, n. 2, 2018.

LANDSTRÖM, H.; HARIRCHI, G.; ASTRÖM, F. Entrepreneurship: Exploring the Knowledge base. Research Policy, v. 41, n. 7. p. 1154-1181, set. 2012.

LOCATELLI, D. R. S.; SILVEIRA, M. A. P.; BARBACOVI, N. E. Características Comportamentais Empreendedoras e sua Importância na Atuação Profissional. Revista Pretexto, v. 18, n. 4, p. 100-113, 2017

MAI, A. F. O Perfil do empreendedor versus a mortalidade das micro e pequenas empresas comerciais do município de Aracruz. Dissertação (Mestrado). Vitória: FUCAPE, 2006.

MCCLELLAND, D. C. The achieving society. Princeton, New Jersey: Van Nostrand, 1961.

MCCLELLAND, D. C. Characteristics of Successful Entrepreneurs. The Journal or Creative Behavior, v. 21, n. 3. p. 219-233, 1987.

MONTEIRO, B. G., BARTHOLO JUNIOR, R. S., LANGENBACH, M. L., GONÇALVES, M. V., SILVA, A. L., MARQUES, T.D., A energia que move a produção: um diálogo sobre integração, projeto e sustentabilidade. 17, Foz do Iguaçu, p. 1-8, 2007.

MONTEIRO, M. J. V. Efeito do empreendedorismo no desemprego em Portugal. Dissertação (Mestrado em Economia) – Universidade Trás-os-Montes e Alto, Vila Real. 2014.

PARK, J. S. Opportunity recognition and product innovation in entrepreneurial hi-tech start-ups: a new perspective and supporting case study. Technovation, Ottawa, v. 25, p. 739-752, 2005.

SANTANNA, Anderson de Souza; NELSON, Reed Elliot; OLIVEIRA, Fatima Bayma. Empreendedorismo e o desenvolvimento do turismo na cidade de Tiradentes. Revista Acadêmica Observatório de Inovação do Turismo. Fundação Getúlio Vargas - Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas. V. VI. N° 1, 2011.

SANT'ANNA, A. de S.; DINIZ, D. M. (Re-)significando o Espaço como Capital: Contribuições de Estudo com Empreendedores Locais. BBR, Braz. Bus. Rev., Vitória, v. 14, n. 5, p. 544-558, out. 2017.

SARASVATHY, S.. The questions we ask and the questions we care about: Reformulating some problems in entrepreneurship research. Journal of Business Venturing, v. 19, 2004.

SCHMIDT, S.; BOHNENBERGER, M. C. Perfil empreendedor e desempenho organizacional. Revista de Administração Contemporânea, Rio de Janeiro, v. 13, n. 3, p. 450-467, 2009.

SCHUMPETER, J. A. O fenômeno fundamental do desenvolvimento econômico. In A teoria do desenvolvimento econômico. Rio de Janeiro: Nova Cultura, 1985.

SERVIÇO BRASILEIRO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS – SEBRAE. Participação das Micro e Pequenas Empresas na Economia Nacional. Julho de 2014. Perfil das microempresas e empresas de pequeno porte. Disponível em: < http://www.sebrae.com.br/Sebrae/Portal%20Sebrae/UFs/RO/Anexos/Perfil%20das%20ME%20e%20EPP%20-%2004%202018.pdf>. Acesso em: 04.11 2019.

SHANE, S.; VENKATARAMAN, S. The promise of entrepreneurship as a field of research. Academy of Management Review, v. 25. n. 1. p. 217-226, jan. 2000.

SHORT, J. C.; KETCHEN JR., David J.; SHOOK, C. L.; IRELAND, R. D. The Concept of “Opportunity” in Entrepreneurship Research: Past Accomplishments and Future Challenges. Journal of Management, v. 36, n. 1, p. 40-65, 2010.

VALE, G. M. V.; CORRÊA, V. S.; REIS, R. F; Motivações para o empreendedorismo: necessidade versus oportunidade?. Revista de Administração contemporânea, Curitiba, v. 18, n. 3, p. 311-327, mai/jun. 2014.

VENKATARAMAN, S.; SARASVATHY, S. D.; DEW, N.; FORSTER, W. R. Reflections on the 2010 AMR decade award: whither the promise? Moving forward with entrepreneurship as a science of the artificial. Academy of Management Review, v. 37, n. 1, p. 21-31, jan. 2012.

Published

2020-10-15

Issue

Section

Innovative science and technology