Monitoriamento do processo de produção do PHB

Authors

  • Paulo Leonardo Ribeiro Universidade Federal da Bahia/Bolsista CAPES (Mestrado em Engenharia Química)
  • Janice Izabel Druzian Universidade Federal da Bahia / Professora Doutora Adjunta da Faculdade de Farmácia / Departamento de Bromatologia

DOI:

https://doi.org/10.7198/geintec.v3i2.121

Abstract

A prospecção em questão aborda o estudo tecnológico do monitoramento do processo de produção do polihidroxibutirato (PHB), usando como fontes de informações as bases de patentes. Para tanto, foram analisados banco de dados do Espacenet (EP). Os dados foram obtidos utilizando-se como palavras-chave “polyhydroxyalkanoate”, “polyhydroxybutyrate” e “polyhydroxyvalerate” e o código internacional C08L67, obtendo-se deste modo um total de 376 documentos, retirando-se os documentos em duplicata através do software Microsoft Excel, quantificaram-se 198 patentes. Quanto às análises referentes à evolução anual das patentes, 8,5% foram depositadas em 2000, 17,7% no período de 2007 a 2008 e 8,1% em 2012. Os Estados Unidos (35% de depósitos), o Japão (33%) e a China (16%) são os três países com maior número de documentos patenteados, destacando-se as instituições com seus respectivos inventores, as americanas Gamble & Procter (Harry Melik) e Metabolix® (Isao Noda) e a japonesa Canon® (Yano Tetsuya).

Author Biographies

Paulo Leonardo Ribeiro, Universidade Federal da Bahia/Bolsista CAPES (Mestrado em Engenharia Química)

Mestrando em Engenharia Química (Universidade Federal da Bahia), tendo como foco a produção e caracterização de filmes flexíveis biodegradáveis.Bacharel em Engenharia de Alimentos (Universidade Estadual de Feira de Santana).

Janice Izabel Druzian, Universidade Federal da Bahia / Professora Doutora Adjunta da Faculdade de Farmácia / Departamento de Bromatologia

Possui graduação em Química Industrial pela Universidade Federal de Santa Maria (1984), mestrado em Química pela Universidade Federal de Santa Catarina (1988) e doutorado em Ciência de Alimentos pela Universidade Estadual de Campinas (2000). Atualmente é professor Associado II da Universidade Federal da Bahia, professora permanente e coordenadora do curso de Mestrado em Ciência de Alimentos da FAR/UFBA, docente permanente do Doutorado de Engenharia Química da UFBA e do RENORBIO, e bolsista Produtividade em Desenvolvimento Tecnológico e Extensão Inovadora (CNPQ DT 2012). Titulou 22 Mestres e 3 Doutores, supervisionou 4 Pós-doutorados, orientou mais de 40 projetos de Iniciação Cientifica. Tem experiência na área de Ciência e Tecnologia de Alimentos e Biotecnologia, com ênfase em Ciência de Alimentos e Produção e Caracterização de Bioprodutos, e propriedade intelectual, atuando principalmente nos seguintes temas: Análise cromatográfica de alimentos e bebidas, produção e caracterização de biopolimeros microbianos e, produção e caracterização de filmes de embalagens bioativas.

Published

2013-06-24

Issue

Section

Artigos (Ativos de 2011 até 2014)