Projeto de contribuição à indicação geográfica para farinha de mandioca de tipo Copioba: a construção de indicadores sociais para avaliação de impactos em desenvolvimento

Nina Paloma Neves Calmon de Siqueira Branco, Ícaro Ribeiro Cazumbá da Silva, Alaane Caroline Benevides de Andrade, Ryzia de Cassia Vieira Cardoso, Janice Izabel Druzian

Resumo


A farinha de mandioca denominada “copioba”, produzida no Recôncavo baiano, compreende um produto regional de notoriedade na Bahia. Apesar do reconhecimento popular da qualidade desta farinha, pouco se conhece sobre o seu processo de produção e as características que a distingue das demais farinhas. Este estudo objetiva relatar o desenvolvimento do projeto “QUALIDADE, IDENTIDADE E NOTORIEDADE DA FARINHA DE MANDIOCA DE NAZARÉ DAS FARINHAS-BA: UMA CONTRIBUIÇÃO À INDICAÇÃO GEOGRÁFICA”, apoiado pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia (FAPESB) – Edital 21/2011, em convênio com a Universidade Federal da Bahia, referente à construção de indicadores para subsidiar o pedido de Indicação Geográfica (IG) da Farinha de Mandioca do Vale do Copioba, e a avaliação dos impactos de desenvolvimento decorrentes do projeto, além do auxílio organizacional aos produtores, nesta Região. Uma equipe interdisciplinar elaborou instrumentos quantitativos e qualitativos para levantamento de dados, que foram submetidos a um Comitê de Ética em Pesquisa. Um questionário será aplicado a 200 produtores/trabalhadores da cadeia produtiva da farinha, o que possibilitará descrever o perfil sócio-demográfico da coletividade, antes e após a aquisição da qualificação. Este método compreende uma inovação na área e permitirá a avaliação de impactos socioeconômicos da IG na vida dos produtores e trabalhadores de farinha. As abordagens qualitativas aplicadas aos mesmos visam resgatar a memória local e a valorização do produto. O Edital FAPESB inaugura a implantação de uma política pública de extrema valia na Bahia, aliando uma equipe técnico-científica à prospecção tecnológica e à intervenção social a partir de IG.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.7198/geintec.v2i4.61

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais



__________________________________

ISSN: 2237-0722

A REVISTA GEINTEC possui D.O.I e está cadastrada nos sistemas:

Os trabalhos da Revista GEINTEC - Gestão, Inovação e Tecnologias de www.revistageintec.net está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons

Associação Acadêmica de Propriedade Intelectual - Aracaju/SE. Universidade Federal de Sergipe. Cidade Universitária Prof. "José Aloísio de Campos" 

Av. Marechal Rondon, s/n Jardim Rosa Elze - Pólo de Pós-Graduação - Sala 8 - CEP 49100-000 - São Cristóvão/SE. [email protected]