Óleo essencial de Schinus terebinthifolius raddi como controle alternativo de Colletothrichum gloeosporioides e Lasiodiplodia theobromae, fungos fitopatogênicos de pós-colheita

Ítala dos Santos, Thalys Santos, Fábio da Silva, Paulo Gagliardi, Luiz de Oliveira Junior, Arie Blank

Resumo


Schinus terebinthifolius é uma anarcadiaceae presente em regiões litorâneas brasileiras cuja importância terapêutica se deve à presença do seu óleo essencial. Suas propriedades vêm sendo estudadas a fim de encontrar novos compostos para o uso do controle alternativo de pragas e doenças. O objetivo deste trabalho foi analisar a composição química e testar a atividade antifúngica do óleo de S. terebinthifolius no controle dos patógenos Colletothrichum gloeosporioides Penz e Lasiodiplodia theobromae (Patouillard) Griffon & Maublanc, pelas ações in vitro, de diferentes concentrações sobre o crescimento micelial do patógeno. O óleo essencial de quarto materiais diferentes de S. terebinthifolius, folhas secas (FS), folhas frescas (FF), sementes verdes (SV) e sementes maduras (SM), foram obtidos por hidrodestilação. Os óleos foram testados em diferentes concentrações e avaliados ao longo do tempo. O delineamento experimental usado foi o inteiramente casualizado em parcelas subdivididas no tempo. As avaliações foram feitas em intervalo de horas medindo-se o crescimento micelial em centímetros pelo diâmetro das colônias e os resultados expressos em porcentagem de inibição. O óleo das sementes verdes e sementes maduras apresentaram o composto limoneno em maior porcentagem, enquanto as folhas frescas e folhas secas o composto δ-3-careno. No teste antifúngico tanto o patógeno L. theobromae, quanto C. gloeosporioides mostraram sensibilidade aos óleos essenciais, sendo a maior observada no óleo de sementes verdes com 100% de inibição do crescimento dos fungos estudados, o que comprova a eficiência da atividade antifúngica do óleo de S. terebinthifolius.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.7198/geintec.v4i4.567

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais



__________________________________

ISSN: 2237-0722

A REVISTA GEINTEC possui D.O.I e está cadastrada nos sistemas:

Os trabalhos da Revista GEINTEC - Gestão, Inovação e Tecnologias de www.revistageintec.net está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons

Associação Acadêmica de Propriedade Intelectual - Aracaju/SE. Universidade Federal de Sergipe. Cidade Universitária Prof. "José Aloísio de Campos" 

Av. Marechal Rondon, s/n Jardim Rosa Elze - Pólo de Pós-Graduação - Sala 8 - CEP 49100-000 - São Cristóvão/SE. revistageintec@gmail.com