A inserção do Brasil no panorama global de inovação em nanofarmacêuticos

Bruno Germani Fialho, Gelson Eduardo Dalle Nogare, Janis Elisa Ruppenthal

Resumo


O objetivo deste trabalho é realizar uma prospecção tecnológica acerca do uso de nanotecnologia em fármacos. A utilização de nanotecnologia no setor farmacêutico está em evidência por se tratar de uma inovação que possibilita resultados mais eficazes no papel dos fármacos. A plataforma Orbit foi escolhida por reunir vários bancos de dados e por realizar a análise dos resultados. O estudo se concentrou em patentes publicadas no Brasil para ser possível analisar como o país está inserido no contexto de pesquisa de nanotecnologias.


Texto completo:

PDF

Referências


AGÊNCIA BRASILEIRA DE DESENVOLVIMENTO INDUSTRIAL (ABDI). Estudo Prospectivo de Nanotecnologia. Brasília: ABDI, 2010.

DE SANTANA, M. F. S.; DE LIMA, A. K. V. O. MOURÃO, M. Avaliação Prospectiva do Açaí: Análise Através dos Pedidos de Patentes e Referências Bibliográficas. Revista GEINTEC, v. 4, n. 1, p. 437-452, 2014.

ERNST, H. The Use of Patent Data for Technological Forecasting: The Diffusion of CNC-Technology in the Machine Tool Industry. Small Business Economics 9: 361–381, 1997.

GUTERRES, S.; POHLMANN, A. Relatório de Acompanhamento Setorial: Nanotecnologia na área da saúde: mercado, segurança e regulação. ABDI: 2013.

GRAFF, H. Inventor Networks in Emerging Key Technologies: Information Technology vs. Semiconductors. J Evol Econ 22:459–480, 2012.

KUPFER, D.; TIGRE, P.B. Modelo SENAI de Prospecção: Documento Metodológico. Capítulo 2: Prospecção Tecnológica. OIT/CINTERFOR, Papeles de La Oficina Técnica no.14, Montevideo, 2004.

MACHADO, K.C.; FREITAS, R.M. Ácido ferúlico e sistema nervoso central: uma prospecção tecnológica. Revista GEINTEC, v. 3, n. 2, p. 221-226, 2013.

MAYERHOFF, Z.D.V.L. Uma Análise Sobre os Estudos de Prospecção Tecnológica. Cadernos de Prospecção, v.1, p.7-9, 2008.

MINISTÉRIO DA CIÊNCIA , TECNOLOGIA E INOVAÇÃO (MCTI). Estratégia Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação 2012 -2015. Impresso em 2012.

SCHEU, M.; VEEFKIND, V.; VERBANDT, Y.; MOLINA GALAN, E.; ABSALOM, R.; FÖRSTER, W. Mapping nanotechnology patents: The EPO approach, World Patent Information, Volume 28, Issue 3, , Pages 204-211, 2006.

SERAFINI, M. R.; QUINTANS, J. DE S. S.; ANTONIOLLI, A. R.; DOS SANTOS, M. R. V.; QUINTANS-JUNIOR, L. J. Mapeamento de tecnologias patenteáveis com o uso da hecogenina. Revista GEINTEC, v. 2, n. 3, p.427-435, 2012.




DOI: https://doi.org/10.7198/geintec.v6i3.503

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais



__________________________________

ISSN: 2237-0722

A REVISTA GEINTEC possui D.O.I e está cadastrada nos sistemas:

Os trabalhos da Revista GEINTEC - Gestão, Inovação e Tecnologias de www.revistageintec.net está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons

Associação Acadêmica de Propriedade Intelectual - Aracaju/SE. Universidade Federal de Sergipe. Cidade Universitária Prof. "José Aloísio de Campos" 

Av. Marechal Rondon, s/n Jardim Rosa Elze - Pólo de Pós-Graduação - Sala 8 - CEP 49100-000 - São Cristóvão/SE. revistageintec@gmail.com