Ranking inovação da indústria extrativa, de transformação e serviço, pelo índice Brasil de inovação

Luiza Betânia Fasolin, Caroline Sulzbach Pletsch, Maria Margarete Baccin Brizolla, Alini da Silva

Resumo


A economia movimentada pela competição entre empresas e países, tem como uma das principais fontes geradoras à inovação tecnológica, que possibilita superioridade econômica e política. O objetivo do presente estudo é identificar o ranking de inovação por meio do Índice Brasil de Inovação - IBI das atividades da indústria extrativa, de transformação e serviço explorado no Brasil, demonstrando a atividade que mais impacta na inovação das empresas destes setores. Para a consecução dos resultados, a metodologia utilizada caracterizou-se de maneira descritiva, documental e quantitativa, com a realização do cálculo do IBI das atividades de indústrias extrativas, de transformação e serviços dos anos de 2005, 2008 e 2011. Por sua vez, os resultados demonstraram de que as empresas com o ramo de atividade de indústria de transformação foi a principal responsável pela inovação nos três períodos, seguido pelas atividades de serviços e indústria extrativa em terceira posição.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.7198/geintec.v4i3.341

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais



__________________________________

ISSN: 2237-0722

A REVISTA GEINTEC possui D.O.I e está cadastrada nos sistemas:

Os trabalhos da Revista GEINTEC - Gestão, Inovação e Tecnologias de www.revistageintec.net está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons

Associação Acadêmica de Propriedade Intelectual - Aracaju/SE. Universidade Federal de Sergipe. Cidade Universitária Prof. "José Aloísio de Campos" 

Av. Marechal Rondon, s/n Jardim Rosa Elze - Pólo de Pós-Graduação - Sala 8 - CEP 49100-000 - São Cristóvão/SE. [email protected]